Warm Up #297 - Dicas para 2020, por Ivan Sant'Anna

Ivan Sant'Anna Publicado em 26/12/2019
1 min
Meu objetivo é lembrar aos traders e especuladores que me leem alguns conceitos básicos de mercado, dos quais a gente costuma se esquecer no calor do andamento dos negócios.

 

Caro leitor,

Ao contrário do que o caro amigo leitor possa pensar, as dicas às quais me refiro no título desta crônica não são indicações de investimento para o ano que logo se iniciará.

Meu objetivo é lembrar aos traders e especuladores que me leem alguns conceitos básicos de mercado, dos quais a gente costuma se esquecer no calor do andamento dos negócios.

Buy the rumour, sell the fact (compre o rumor, venda o fato) ou seu oposto, Sell the rumor, buy the fact (venda o boato, compre o fato).

Digamos que a economia está dando indicações de que o risco de recessão acabou, que o país voltou a crescer com robustez. Melhor, sem pressionar a inflação por a capacidade utilizada da indústria ainda estar em nível confortável.

Materializado o cenário acima, os players do mercado dão como certa a volta do “grau de investimento” (investment grade) para o Brasil por parte das agências classificadoras.

Coerente com essa expectativa, a Bolsa de Valores acelera a alta, que agora vai aos arrancos, deixando pequenos gaps pelo caminho. Saiu o investment grade, venda, realize lucro. As ações costumam fazer uma forte correção nessas horas.

Pensemos agora na hipótese contrária: Bolsa caindo à espera de um mau resultado para a base de apoio do governo nas eleições municipais, resultado esse que está sendo previsto pelos institutos de opinião pública.

Eleições municipais 2020. Petistas e psolistas vencem em diversas cidades importantes. Recompre as ações que porventura tenha vendido com medo da vitória da esquerda.

Prefeito é apenas prefeito, importante somente para os cidadãos da municipalidade que governa. Tão logo eleito, vai correr de chapéu na mão a Brasília para mendigar recursos. Caso contrário, se ferra.

Como dizia o mítico Fiorello La Guardia, que governou a cidade de Nova York entre 1934 e 1945: “There is no Democratic or Republican way of cleaning the streets (não existe uma maneira democrata ou republicana de limpar as ruas).

Principalmente nos mercados futuros, trabalhe sempre com stops.

Suponhamos que, em 2020, você aposte na alta do dólar, comprando contratos futuros da moeda americana na B3. Se a cotação começar a cair, seja lá por que motivo for, zere sua posição.

Não dê uma de torcedor: “Ah, quem sabe o mercado vai virar.”

Pode ser que o dólar tenha iniciado uma tendência de baixa e você andando na contramão. Não se apaixone por sua posição.

As indústrias Amalgamated fizeram uma IPO. Você foi um dos felizardos beneficiados com o rateio. Acontece que, logo após o lançamento, a Amalgamated não faz outra coisa a não ser cair. Já vi isso acontecer inúmeras vezes.

Comprou na IPO, começou a perder, esqueça a empresa. Não caia de amores por ela. Ninguém em pleno juízo se apaixona por pessoas jurídicas.

“Ah, o alto-forno deles é lindo”, jamais pense assim. O que é lindo é o papel subir feito uma flecha e você, comprado.

Se quiser deixar esta newsletter salva para ler depois, é só você se cadastrar gratuitamente aqui no site da Inversa e colocar como uma de suas leituras favoritas (entre aqui e salve esta newsletter!)

Um abraço,

Ivan Sant'Anna

A Inversa é uma Casa de Análise regulada pela CVM e credenciada pela APIMEC. Produzimos e publicamos conteúdo direcionado à análise de valores mobiliários, finanças e economia.
 
Adotamos regras, diretrizes e procedimentos estabelecidos pela Comissão de Valores Mobiliários em sua Resolução nº 20/2021 e Políticas Internas implantadas para assegurar a qualidade do que entregamos.
 
Nossos analistas realizam suas atividades com independência, comprometidos com a busca por informações idôneas e fidedignas, e cada relatório reflete exclusivamente a opinião pessoal do signatário.
 
O conteúdo produzido pela Inversa não oferece garantia de resultado futuro ou isenção de risco.
 
O material que produzimos é protegido pela Lei de Direitos Autorais para uso exclusivo de seu destinatário. Vedada sua reprodução ou distribuição, no todo ou em parte, sem prévia e expressa autorização da Inversa.
 
Analista de Valores Mobiliários responsável (Resolução CVM n.º 20/2021): Antonyo Giannini, CNPI EM-2476

Conteúdo protegido contra cópia