Seja bem-vindo!

Faça o login com sua conta e aproveite seus conteúdos exclusivos.

Entrar agora

Ainda não é cadastrado?

Crie sua conta

O melhor ETF de Ibovespa para investir agora

Nícolas Merola Publicado em 16/07/2021
3 min
Hoje, é possivel negociar sete ETFs de Ibovespa na Bolsa (B3). O melhor deles, em nossa opinião, você encontra neste relatório gratuito.

Hoje, é possivel negociar sete ETFs de Ibovespa na Bolsa (B3). O melhor deles, em nossa opinião, é o BOVV11, pois possui a menor taxa de administração e bom mix de rentabilidade e liquidez.

Leia esta edição completa abaixo
 

Relatório Inversa

O melhor ETF de Ibovespa para investir agora

Por Nícolas Merola

 

Olá, leitor(a) Inversa.

Se você é um investidor e quer ter ações na carteira, mas não sabe qual comprar, a melhor opção é investir em um ETF de Ibovespa.

ETF, ou Exchange Traded Fund, são fundos negociados em Bolsa que buscam replicar um índice de referência.

Saiba qual comprar e por quê.

Atualmente, o mercado possui 7 opções de ETFs que investem de forma muito semelhante e buscam replicar a carteira hipotética do Ibovespa, cada um com suas particularidades.

Cada um desses, por exemplo, é administrado por uma instituição diferente. Dentre elas estão o Banco do Brasil, Caixa, BlackRock, Itaú, Safra e XP investimentos.

Para determinar, dentre todas as opções, qual o melhor ETF de Ibovespa para para você, três pontos são cruciais a serem observados: A liquidez do ETF no mercado, o retorno histórico em relação aos seus pares - e ao índice - e a taxa de administração do fundo.

Abaixo, você encontra uma tabela com os sete fundos disponíveis e os campeões em cada uma dessas categorias, juntamente com a descrição de cada característica essencial que você deve ficar atento(a) ao escolher um ETF:

A Liquidez: em termos práticos, a facilidade em vender um ativo e transformá-lo em caixa.

Nesse quesito, dos sete ETFs disponíveis, o BOVA11 é, hoje, o mais líquido: negociou mais de R$ 700 milhões por dia nos últimos três meses, em média.

O Retorno: a vantagem de se observar o retorno de um determinado ETF e compará-lo com o retorno do índice de referência é avaliar não somente os impactos diretos dos custos do ETF, como a taxa de administração, mas também a capacidade do fundo de gerar retorno internamente através dos aluguéis das ações adquiridas.

Nesse quesito, dois fundos empataram, pois mostraram que superam o índice de referência em diversas janelas temporais: o BOVV11 e o BOVB11.

A Taxa de Administração: a taxa de administração nada mais é que a taxa requerida pela gestora para administrar os recursos do fundo. Apesar de seu impacto no longo prazo ser grande, como comentei anteriormente, existem formas de mitigar esse custo, disponibilizando um percentual maior do patrimônio para aluguel.

Olhando para a taxa de administração de forma isolada, quanto menor, melhor, e o BOVV11 é o que tem a menor taxa no momento. Portanto, é o campeão dessa categoria.

Dadas todas essas características, em minha opinião, a melhor opção para o investidor geral, aquele que não precisa operar com uma liquidez muito grande, é o BOVV11, pois consegue unir a negociabilidade, já que negocia um alto volume diariamente, com baixas taxas e boa rentabilidade.

Por isso, se você tinha dúvida, agora já sabe. Ao investir em um ETF de Ibovespa, agora, opte pelo BOVV11.

Um abraço,

Nícolas Merola, CNPI

A Inversa é uma Casa de Análise regulada pela CVM e credenciada pela APIMEC. Produzimos e publicamos conteúdo direcionado à análise de valores mobiliários, finanças e economia.
 
Adotamos regras, diretrizes e procedimentos estabelecidos pela Comissão de Valores Mobiliários em sua Resolução nº 20/2021 e Políticas Internas implantadas para assegurar a qualidade do que entregamos.
 
Nossos analistas realizam suas atividades com independência, comprometidos com a busca por informações idôneas e fidedignas, e cada relatório reflete exclusivamente a opinião pessoal do signatário.
 
O conteúdo produzido pela Inversa não oferece garantia de resultado futuro ou isenção de risco.
 
O material que produzimos é protegido pela Lei de Direitos Autorais para uso exclusivo de seu destinatário. Vedada sua reprodução ou distribuição, no todo ou em parte, sem prévia e expressa autorização da Inversa.
 
Analista de Valores Mobiliários responsável (Resolução CVM n.º 20/2021): Nícolas Merola - CNPI Nº: EM-2240

Conteúdo protegido contra cópia