As três maiores preocupações do mercado

Valter Outeiro Publicado em 08/05/2020
3 min
Reabertura da economia, nova injeção dos bancos centrais e conflito entre China e EUA: nossos especialistas estão preparados para ajudar você neste momento delicado.

“Quando você espera que as coisas aconteçam – estranhamente – elas acontecem”.

A afirmação de John Pierpont Morgan, fundador de um dos maiores bancos do mundo, evidencia o quão importante são as expectativas, no sentido de como antecipar o futuro altera o presente.

Entrevista de Mohamed El-Erian, respondendo os motivos pelos quais o mercado se descola da economia, aponta três preocupações atuais.

Detalhe: a entrevista ocorreu após um dos piores Relatório de Emprego da história, com salto da taxa de desemprego dos EUA de 4,4% em março para 14,7% em abril.
 
1) Como será a reabertura da economia? Em quais condições ocorrerá? Sendo que, de uma forma ou outra, teremos que conviver com o vírus: tanto a solução de “todos ficarem em casa” quanto a da “criação da vacina ou remédio para a cura” são inviáveis no curto prazo.

2) Os bancos centrais injetarão mais liquidez no sistema financeiro para evitar crise de crédito? Ontem, também em entrevista à Bloomberg, Christine Lagarde afirmou “fazer o que for necessário” para evitar um colapso.

3) Haverá solução das tensões geopolíticas entre China e EUA? A recente melhora, embora provoque otimismo, ainda carece de maior clareza sobre a concretização desta primeira fase, ainda de certo nebulosa.

Em resposta a cada uma destas grandes questões, nós aqui da Inversa temos a pura obrigação de nos anteciparmos ao futuro para criar o seu presente.

Dentro das séries Top Trades, Small Premium Caps e Smart Trades, nossos especialistas vasculham as melhores empresas para você investir nesta reabertura econômica.

Em relação à crise de confiança pelo excesso de moeda, temos dois remédios: Ivan Sant’Anna sugeriu dois ativos na Warm Up Pro. Também há outro tratamento, concedido pela nossa especialista em criptomoedas Helena Margarido: você pode vê-lo aqui.

Para ajudar você com o que vem de fora, nosso especialista em mercados internacionais Marink Martins compartilha exclusivamente com você todo seu conhecimento adquirido nos EUA para sugerir a carteira ideal, imprescindível em momentos como este. Confira aqui.

Vou me despedindo com uma última frase de John Pierpont Morgan.

“Nenhum problema pode ser resolvido até que seja reduzido a uma forma simples. A mudança de uma dificuldade vaga em uma forma específica e concreta é um elemento muito essencial no pensamento”.

Um grande abraço,

Valter

A Inversa é uma Casa de Análise regularmente constituída e credenciada perante CVM e APIMEC.

Todos os nossos profissionais cumprem as regras, diretrizes e procedimentos internos estabelecidos pela Comissão de Valores Mobiliários em sua Instrução 598, e pelas Políticas Internas estabelecidas pelos Departamentos Jurídico e de Compliance da Inversa.

A responsabilidade pelas publicações que contenham análises de valores mobiliários é atribuída a Felipe Paletta, profissional certificado e credenciado perante a APIMEC.

Nossas funções são desempenhadas com absoluta independência, não sendo dotadas de quaisquer conflitos de interesse, e sempre comprometidas na busca por informações idôneas e fidedignas visando fomentar o debate e a educação financeira de nossos destinatários.

O conteúdo da Inversa não representa quaisquer ofertas de negociação de valores mobiliários e/ou outros instrumentos financeiros. Os destinatários devem, portanto, desenvolver as suas próprias avaliações.

Todo o material está protegido pela Lei de Direitos Autorais e é de uso exclusivo de seu destinatário, sendo vedada a sua reprodução ou distribuição, seja no todo ou em parte, sem prévia e expressa autorização da Inversa, sob pena de sanções nas esferas cível e criminal.  

Conteúdo protegido contra cópia