Gritty Investor #35 - Próximos Passos

Pedro Cerize Publicado em 26/01/2018
2 min
Lula condenado: e agora?

Gritty Investor

Oi.

Lula condenado em segunda instância. Se nada mudar, ele não pode ser candidato. O risco Brazuela caiu muito e os mercados devem se ajustar para essa realidade. Não vou fazer previsões de quais serão os novos patamares para Ibovespa, dólar e taxas de juros, mas, definitivamente, serão maiores do que há 45 dias.

É preciso ainda relativizar o movimento atual, que está inserido num movimento global de alta nas bolsas, de um dólar mais fraco e de otimismo geral com economia global. Isso é bom no curto prazo, mas acende luzes amarelas no médio prazo.

Mas passada a comemoração, o mercado vai focar inicialmente na Reforma da Previdência e na negociação partidária para as próximas eleições. O PT está enfraquecido neste momento. Políticos não querem se aliar a um PT sem Lula. Ter o ônus sem nenhum bônus não parece o movimento acertado. E se o movimento político ideal for correr para o centro, é mais fácil as ideias do centro prevalecerem. Hoje, o centro, liderado pelo PMDB, apoia a reforma.

Às vezes a coisa mais inteligente a se fazer é não fazer nada. Nesse caso me refiro a quem já está investido em ações e já alongou suas aplicações financeiras no tesouro direto.

Os leitores de A Carta já têm a carteira sugerida e a estratégia traçada. Para quem plantou, agora está na época de esperar a lavoura crescer.

Enquanto isso, vou tentar achar o que vai estragar essa onda positiva que estamos vivendo. Hora de pensar nos riscos futuros enquanto as coisas estão indo bem. Por enquanto não vejo nada urgente. Aproveite o vento nas costas e continue pedalando.

Quer acompanhar meus comentários sobre o cenário político em tempo real? Este é meu perfil no Twitter.

E não deixe de escrever para gritty@inversapub.com dizendo o que está achando dos meus textos.

Abraços,

Pedro

A Inversa é uma Casa de Análise regularmente constituída e credenciada perante CVM e APIMEC.

Todos os nossos profissionais cumprem as regras, diretrizes e procedimentos internos estabelecidos pela Comissão de Valores Mobiliários em sua Instrução 598, e pelas Políticas Internas estabelecidas pelos Departamentos Jurídico e de Compliance da Inversa.

A responsabilidade pelas publicações que contenham análises de valores mobiliários é atribuída a Felipe Paletta, profissional certificado e credenciado perante a APIMEC.

Nossas funções são desempenhadas com absoluta independência, não sendo dotadas de quaisquer conflitos de interesse, e sempre comprometidas na busca por informações idôneas e fidedignas visando fomentar o debate e a educação financeira de nossos destinatários.

O conteúdo da Inversa não representa quaisquer ofertas de negociação de valores mobiliários e/ou outros instrumentos financeiros. Os destinatários devem, portanto, desenvolver as suas próprias avaliações.

Todo o material está protegido pela Lei de Direitos Autorais e é de uso exclusivo de seu destinatário, sendo vedada a sua reprodução ou distribuição, seja no todo ou em parte, sem prévia e expressa autorização da Inversa, sob pena de sanções nas esferas cível e criminal.  

Conteúdo protegido contra cópia