Kit para começar a Investir na Bolsa (3 passos)

Para começar a investir na Bolsa você só precisa de 3 passos. Aqui vou explicar como avançar por cada um deles com segurança.

Olá, investidor.

Investir é algo fundamental para sua qualidade de vida, controle financeiro e para ajudar na realização dos seus sonhos... 

Isso você provavelmente já sabe. Por isso você está aqui.

Seja para viajar, pagar seu casamento, apartamento, casa, enfim... é preciso investir bem e com sabedoria.

Especialmente quando o assunto é Bolsa de Valores.

Aqui na Inversa, temos especialistas – realmente profissionais – que trabalham incansavelmente para trazer as melhores oportunidades em ações para você.

Sejam elas Blue Chips (ações de empresas grandes, com maior valor de mercado) ou small caps (ações de empresas pequenas).

Aqui, você encontra as melhores séries sobre o assunto.

Mas para que você possa colocar em prática tudo que irá aprender com as nossas séries, você precisa seguir 3 passos. Apenas 3 passos rápidos e você estará pronto para investir na Bolsa.

E é isso que vou te mostrar hoje, de forma simples, rápida, prática e eficaz.

Essa história de que investir é difícil é coisa do passado.

Já estamos numa nova era para o mercado de investimentos...

Você não precisa mais ir até uma corretora, preencher pilhas e mais pilhas de papel...

Hoje é tudo digital, simples e qualquer pessoa, de qualquer idade e de qualquer lugar pode investir tranquilamente, sem sair de casa!

Para te ajudar, separamos abaixo os 3 primeiros passos para você começar a investir em apenas UM dia.

Vamos lá!

 

1. Conheça a diferença entre as corretoras e abra sua conta!

A primeira coisa a fazer é abrir conta em uma corretora.

Eu imagino a pergunta que pode estar passando na sua cabeça agora: “eu já tenho conta em um banco, preciso abrir conta em uma corretora?”.

Nós, aqui na Inversa, sugerimos fortemente que você invista através de corretoras de investimentos independentes (desvinculadas dos grandes bancos).

Para entender melhor, veja o guia que preparamos para você. Lá, fazemos um comparativo para que você entenda a grande diferença entre investir através de grandes bancos e corretoras independentes.

Leia aqui o GUIA DE CORRETORAS
Esse guia é atualizado frequentemente e compara taxas, vantagens e desvantagens de cada instituição para que você possa fazer a melhor escolha, de acordo com seu perfil.

Lembrando que abrir uma conta é 100% gratuito e você pode fazer do seu celular.

 

2. Aprenda a investir em fundos, a maneira mais democrática de investir.

Talvez você já tenha ouvido falar nessa categoria de investimentos. É um dos tipos de aplicação financeira mais conhecidos no Brasil.

São carteiras compostas pelos mais variados investimentos, como títulos de renda fixa, ações, derivativos, etc.

Existem até fundo de fundos, fundos de investimentos que investem em cotas de outros fundos.

Interessante, não é?

E você ainda tem um gestor experiente cuidando dos investimentos por você.

Uma das classes de fundos que vem ganhando destaque são os Fundos de Investimento Imobiliário, os FIIs.

Os FIIs utilizam os recursos captados junto aos investidores para aplicar no mercado imobiliário e são negociados na Bolsa de Valores, como uma ação.

Cada cotista possui cotas e o repasse do lucro é feito de acordo com a participação de cada investidor.

Além disso, você também pode lucrar com a valorização das cotas, não apenas com a participação no lucro.

Você pode investir agora em fundos de Renda Fixa, Ações, Multimercado, Ouro, Cambiais e Fundos Imobiliários! Leia aqui o guia completo dos fundos.

Mas vale atentar-se para um detalhe: como disse anteriormente, os fundos são administrados por gestores profissionais e, com isso, cobram algumas taxas.

Preparamos dois conteúdos informativos com tudo que você precisa saber sobre as taxas cobradas em cada investimento, veja aqui:

 

3. A prática: como operar no Home Broker

Bem, para colocar tudo isso em prática, uma coisa é essencial: operar no Home Broker.

Não pense que isso está restrito apenas à investidores profissionais. Na verdade, é muito simples comprar e vender ativos na plataforma.

E eu vou te mostrar agora mesmo como começar a investir.

Primeiramente, deixe-me explicar uma coisa: apesar de ser uma plataforma separada do site principal da corretora em si, todas oferecem a plataforma, mais ou menos didática, mais ou menos complicada...

Não importa se você tem conta na Clear, na XP, na Rico, na Easynvest, na Órama etc. Praticamente todas possuem um Home Broker para você investir na Bolsa sem precisar ficar entrando em contato com o seu corretora.

A interface de todos é muito parecida e fácil de utilizar.

Veja abaixo um exemplo:

Como eu já comentei anteriormente, se você escolher investir em Ações ou Fundos Imobiliários, você vai precisar utilizar o HOME BROKER

Por isso, o Nícolas Merola, nosso analista e especialista em fundos de investimento, gravou um vídeo para te ensinar passo a passo como comprar e vender ativos dentro dessas plataformas.

O foco aqui é ensinar você a investir na Bolsa, mas neste conteúdo fomos além e o Nícolas te ensina como comprar muitos dos ativos sugeridos pelos especialistas da Inversa.

Veja aqui neste vídeo como comprar e vender um ativo direto do seu celular ou computador.

Espero que tenha ajudado você!

Consulte este espaço sempre que tiver qualquer dúvida sobre como começar a investir.

Meu único objetivo aqui tornar você um investidor de sucesso e, claro, te ajudar nesta prazerosa jornada.

Um grande abraço,

Helga Bannwart

A Inversa é uma Casa de Análise regularmente constituída e credenciada perante CVM e APIMEC.

Todos os nossos profissionais cumprem as regras, diretrizes e procedimentos internos estabelecidos pela Comissão de Valores Mobiliários em sua Instrução 598, e pelas Políticas Internas estabelecidas pelos Departamentos Jurídico e de Compliance da Inversa.

A responsabilidade pelas publicações que contenham análises de valores mobiliários é atribuída a Felipe Paletta, profissional certificado e credenciado perante a APIMEC.

Nossas funções são desempenhadas com absoluta independência, não sendo dotadas de quaisquer conflitos de interesse, e sempre comprometidas na busca por informações idôneas e fidedignas visando fomentar o debate e a educação financeira de nossos destinatários.

O conteúdo da Inversa não representa quaisquer ofertas de negociação de valores mobiliários e/ou outros instrumentos financeiros. Os destinatários devem, portanto, desenvolver as suas próprias avaliações.

Todo o material está protegido pela Lei de Direitos Autorais e é de uso exclusivo de seu destinatário, sendo vedada a sua reprodução ou distribuição, seja no todo ou em parte, sem prévia e expressa autorização da Inversa, sob pena de sanções nas esferas cível e criminal.  

Conteúdo protegido contra cópia